PREDITORES DA SÍNDROME DE BURNOUT EM PROFISSIONAIS DE ENFERMAGEM - O IMPACTO DA PANDEMIA DA COVID-19

  • Elizane Magalhães de Sá Faculdade de Integração do Sertão, Serra Talhada - PE, Brasil
  • Anderson Barbosa de Araújo Faculdade de Integração do Sertão, Serra Talhada - PE, Brasil
  • Ednaldo Emílio Ferraz
  • Erlayne Beatriz Félix de Lima e Silva Faculdade de Integração do Sertão, Serra Talhada - PE, Brasil
  • Isaura Caroline Abrantes Silva Faculdade de Integração do Sertão, Serra Talhada - PE, Brasil
  • Luísa Marianna Vieira da Cruz Faculdade de Integração do Sertão, Serra Talhada - PE, Brasil
  • Camilla Vieira de Figueiredo Faculdade de Integração do Sertão, Serra Talhada - PE, Brasil
Palavras-chave: Burnout, Enfermagem, COVID-19

Resumo

A Síndrome de Burnout é um quadro de esgotamento físico e mental que acomete grande parte dos profissionais de saúde, inclusive os enfermeiros. A pandemia da COVID-19 intensificou esse quadro de sofrimento, convocando a necessidade de realizar estudos para compreender os seus preditores. Assim, o presente estudo tem como objetivo geral identificar a partir da literatura científica os preditores ou fatores predisponentes do Burnout em profissionais de enfermagem brasileiros no contexto da pandemia da COVID-19. Trata-se de uma revisão integrativa da literatura que considerou a busca por artigos nacionais, publicados em português nas bases de dados Scielo, Lilacs, Pesic e BDENF, no período que compreende 2020 e 2022, utilizando os descritores Enfermagem AND Burnout AND COVID-19. Apenas cinco artigos atenderam a todos os critérios de inclusão elencados. A análise dessas produções permitiu identificar que figuram entre os principais preditores do Burnout em enfermeiros a sobrecarga física e emocional relativa ao enfrentamento da COVID-19, a falta de EPIs e de outros materiais necessários para a assistência de enfermagem, condições insalubres do ambiente de trabalho, desvalorização social da profissão, além da baixa remuneração. Confia-se que o presente estudo, além de oferecer um panorama geral sobre os impactos da pandemia da COVID-19, pode contribuir para subsidiar reflexões críticas sobre a necessidade de prevenir o Burnout entre enfermeiros, uma categoria que há muito tempo luta pela ampliação de direitos básicos e por melhores condições de trabalho.

Publicado
2022-06-30
Como Citar
1.
Magalhães de Sá E, Barbosa de Araújo A, Ferraz EE, Félix de Lima e Silva EB, Abrantes Silva IC, Vieira da Cruz LM, Vieira de Figueiredo C. PREDITORES DA SÍNDROME DE BURNOUT EM PROFISSIONAIS DE ENFERMAGEM - O IMPACTO DA PANDEMIA DA COVID-19. RMS [Internet]. 30º de junho de 2022 [citado 4º de outubro de 2022];4(2):193-9. Disponível em: https://revistamultisert1.websiteseguro.com/index.php/revista/article/view/415