O PROTAGONISMO DE ENFERMEIROS ATUANTES NA ÁREA DE SAÚDE MENTAL - PERSPECTIVAS E DESAFIOS

  • Maria Tailany Sousa Silva Faculdade de Integração do Sertão, Serra Talhada - PE, Brasil
  • Luísa Marianna Vieira da Cruz Faculdade de Integração do Sertão, Serra Talhada - PE, Brasil
  • Camilla Vieira de Figueiredo Faculdade de Integração do Sertão, Serra Talhada - PE, Brasil
  • Ednaldo Emílio Ferraz Faculdade de Integração do Sertão, Serra Talhada - PE, Brasil
  • Erlayne Beatriz Félix de Lima Silva Faculdade de Integração do Sertão, Serra Talhada - PE, Brasil
  • Anderson Barbosa de Araújo Faculdade de Integração do Sertão, Serra Talhada - PE, Brasil
  • Alessandro Teixeira Rezende Faculdade de Integração do Sertão, Serra Talhada - PE, Brasil
Palavras-chave: Enfermagem, Área de atuação profissional, Assistência à saúde mental

Resumo

O enfermeiro tem um papel importante e fundamental na atuação em saúde mental, sendo evidenciadas ações como anamnese, participação de reuniões com equipes, psicoeducação, triagem, coordenar grupos e oficinas, evolução de enfermagem e aplicação de Sistematização da Assistência em enfermagem, buscando ofertar ao paciente psiquiátrico e aos seus familiares um tratamento humanizado, garantindo uma assistência mais efetiva e de qualidade. Avaliar e compreender o protagonismo de enfermeiros atuantes na área de saúde mental, nos Centros de Atenção Psicossocial de Serra Talhada-PE. Trata-se de uma pesquisa de campo de cunho descritivo, transversal, não-experimental com abordagem quanti-qualitativa. O estudo foi realizado com profissionais da enfermagem que trabalham no campo de saúde mental. Os enfermeiros entrevistados eram compostos por 75% homens e 25% mulheres, na faixa etária entre 26 e 52 anos, sendo todos especialistas em saúde mental. Foi possível perceber a importância do ensino de saúde mental durante a graduação de enfermagem e o quanto isso influência na escolha da especialização nessa área, além de proporcionar um atendimento humanizado. Ofertando suporte emocional e técnico, o conhecimento em saúde mental, independente da área de atuação, proporciona ao profissional uma habilidade necessária para prestar a assistência, apresentada numa visão holística e integral do paciente. O enfermeiro é capacitado para lidar com coordenações e gestões e não é diferente na atuação em saúde mental, onde o mesmo é o responsável por buscar estratégias e capacitar às equipes, desenvolver atividades e promover uma assistência humanizada, evidenciado assim seu papel indispensável em serviços de saúde mental.

Publicado
2022-06-30
Como Citar
1.
Sousa Silva MT, Vieira da Cruz LM, Vieira de Figueiredo C, Ferraz EE, Félix de Lima Silva EB, Barbosa de Araújo A, Teixeira Rezende A. O PROTAGONISMO DE ENFERMEIROS ATUANTES NA ÁREA DE SAÚDE MENTAL - PERSPECTIVAS E DESAFIOS. RMS [Internet]. 30º de junho de 2022 [citado 4º de outubro de 2022];4(2):233-44. Disponível em: https://revistamultisert1.websiteseguro.com/index.php/revista/article/view/422